Associação das Emissoras de Rádio e TV do Estado do Rio de Janeiro
Migração AM/FM: novas outorgas serão assinadas em 7 de novembro
Publicada em 06/10/2016

Os contratos das novas outorgas de rádio que migrarão do AM para o FM serão assinados durante cerimônia no Palácio do Planalto, em 7 de novembro, quando se comemora o Dia do Radialista. O anúncio foi feito pelo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC) Gilberto Kassab, em Florianópolis (SC), durante lançamento de programas de incentivo a projetos de inovação e pesquisa.

“Em princípio, está agendado para o dia 7, pois é uma data emblemática e importante para o radiodifusor. Teremos a presença do presidente da República Michel Temer, porém estamos sujeitos às mudanças na agenda do presidente”, afirmou Kassab.

Assim que a lista com as emissoras contempladas for divulgada pelo MCTIC, a ABERT informará aos radiodifusores.

O MCTIC chegou a agendar a cerimônia para o início do mês de outubro, mas o evento foi adiado para contemplar um número maior de emissoras. A expectativa é reunir centenas de radiodifusores de todo o país.

100% pronta para migrar

Jornalista e proprietário da Rádio Cidade AM de Arcos (MG), Tadeu Nunes aguarda com ansiedade a lista de emissoras. A Rádio Cidade AM já está pronta para migrar, o boleto foi pago no dia 22 de julho e os equipamentos já foram trocados.

“Todos os dias eu acesso o site da ABERT, em busca de alguma novidade, tamanha expectativa. Se a migração não acontecer é uma covardia, pois a concorrência é desleal”, argumentou Nunes.

Com mais qualidade na transmissão do sinal, Nunes aposta no aumento da audiência. “A migração permitirá o acesso a centenas de ouvintes. Estamos ansiosos, esperando por esse momento, que é um grande presente para o radiodifusor. A migração vai mudar a nossa vida”, destacou Nunes.

A cidade mineira, localizada na região oeste do estado, com pouco mais de 40 mil habitantes possui cinco emissoras, sendo duas comerciais, duas educativas e uma comunitária. O foco da emissora é o jornalismo local e a prestação de serviço. “O jornalismo local é o sucesso da emissora. Nossa atuação foi reconhecida pela cobertura das eleições municipais e ganhamos a sétima posição no ranking de acessos dos últimos quatro meses. Também somos a terceira rádio AM com maior audiência na região oeste do estado”, argumentou.

1 1 1 1 1 1 1 1 1
AERJ Todos os direitos reservados